Terça-feira, 26 de Outubro de 2004

Será este o/a Vicky? (o que eu duvido muito)

63web2.jpg

Não desisti, fui ao google procurar pela fuça da personagem e saiu-me isto. Bem, nesse caso, não era só o teu mail que eu queria f...

Morte ao Vicky

É só para avisar um paneleiro de uma personagem que desconheço que essa merda de me andar a foder o blog com spams e outras merdas dessas é assinar a certidão de óbito...prepara-te para teres o mail minado.
Tás fodido.

decretado por Z*T*I*V às 19:15
link do post | ousar contestar a minha sapiência | favorito
|
Quinta-feira, 21 de Outubro de 2004

Relação Platónica

Na Antiguidade Clássica, há muitos séculos atrás, o filósofo grego Platão, sem mais nada de produtivo para fazer (ao que parece, na Grécia Antiga, todos os cidadãos gregos frequentavam o parlamento e passavam a vida a filosofar e a reflectir sobre tudo, pois os escravos, que não eram cidadãos nem tinham direitos nenhuns, é que faziam todo o trabalho, e ainda diziam que aquilo era o berço da democracia...) descobriu um tipo de relacionamento afectivo e resolveu baptizá-lo com o seu nome.
Tudo bem, deve dar um orgulho desgraçado um gajo sair com mulheres, falar com elas e não fazer a ponta de um charuto e ainda ter a lucidez e a ideia luminosa de dar o seu nome a isso. É que gostava de saber se por ventura existe algum critério de baptismo de situações eventualmente novas para o conhecimento humano e a que regras obedece esse critério, pois daqui só se pode entender que tens que ter um certo estatuto para dares o teu nome a coisas corpóreas ou incorpóreas, materiais ou sentimentos, como foi o caso do Platão, um nome ainda hoje reverenciado. Contudo alguns podiam protestar e dizer que devia haver democracia, toda a gente devia baptizar coisas novas com as quais se deparassem. Já estou a ver: "Olá, o meu nome é Tó, queres ir para a cama comigo?" O que é que se deverá chamar a isto? Uma relação tónica? Naaaaaa...mais vale ter estatuto para isso...

Quarta-feira, 20 de Outubro de 2004

O Adelino Tavares japonês

images.jpg

decretado por Z*T*I*V às 11:06
link do post | ousar contestar a minha sapiência | favorito
|
Terça-feira, 19 de Outubro de 2004

Demolição ao domicílio



Sim senhor, palavras para quê ?

decretado por Z*T*I*V às 12:08
link do post | ousar contestar a minha sapiência | favorito
|

O Apocalipse vem aí



E o inferno é laranja.

decretado por Z*T*I*V às 12:00
link do post | ousar contestar a minha sapiência | favorito
|
Domingo, 17 de Outubro de 2004

Como uma fo…

Nas eleições legislativas nos Açores, o candidato do Partido Democrático do Atlântico (PDA), sofreu um duro revés: foi-lhe roubado todo o seu material de campanha, que consistia unicamente num megafone, o qual se encontrava instalado na viatura particular do candidato, acabando assim toda a actividade de campanha do partido.
Para além disso, o cartaz com a sua cara colado no tejadilho do carro é também diariamente roubado pelos vizinhos. O candidato está desesperado e pondera atirar-se para dentro de um vulcão, declarando-se desiludido e queixando-se dos custos da campanha, nos quais se insere os direitos de autor para utilizar a música “Força” de Nelly Furtado.
Não é que queira semear a discórdia e ser polémico, mas um partido que só tem um megafone e ainda vai adquirir os direitos de autor daquele hino todo azeite e depois se queixa dos custos, é caso para se dizer “Cada um tem o que merece”. Isto raspou no fundo…

Para terminar, descobriu-se um nexo de casualidade entre o hino do Euro 2004 “Força” e o aumento do número de violações durante a competição futebolística em Portugal.
Ao que parece, a letra da música continha uma chamada mensagem subliminar que se infiltrava na cabeça dos presumíveis violadores, se não acreditam vejam bem:
“Come-me à força, come-me à força, come-me à força…” e por aí fora.


decretado por Z*T*I*V às 19:24
link do post | ousar contestar a minha sapiência | favorito
|

PUstais

Mais um podre que acaba de vir à superfície. Pelos vistos, um prof. que me deu aulas no ano transacto enviou durante as férias de Verão postais a determinados alunos que frequentaram o regime de avaliação contínua. O conteúdo dos postais em questão permanece desconhecido (ao que parece, ou foram rasgados prontamente ou jazem reciclados), contudo a particularidade que torna este caso deveras intrigante centra-se no facto de terem sido enviados maioritariamente a alunos do sexo masculino. De resto, constatava-se que o prof. em questão prestava bastante atenção quando as aulas eram apresentadas por alunos, passando toda uma apresentação a ler um livro ou outras leituras avulsas quando se tratavam de ninas, demonstrando pouco interesse. Pá, ás vezes o meu silêncio diz tudo…o Adelino Tavares devia passar pela minha fac para limpar uns certos profs de tendências digamos exóticas...
Tenho que ter cuidado e não revelar nem nomes, nem datas, nem lugares específicos, senão o Santanamerda ainda me silencia o poço. Alerta laranja podre para todos os blogues das redondezas e afins.

Terça-feira, 12 de Outubro de 2004

QUotidiano

Hoje, lá me deu na gana para aparecer na fac e assistir à minha primeira aulinha. Muito bem, foi a primeira aula de Direito Processual Civil I, cadeira a qual dizem ser a mais lixada do 3º ano, boatos vários mo confirmam. Continua assim a intrépida caminhada de um homem que já experimentou as agruras do Direito Islâmico, com os seus waqfs, urfs, mudjtahids, sunnas, idjtihads e do Direito Hindu e os mitashkaras e dayabhagas, para além dos dharmas, karmas e ritas...

O professor da cadeira, o qual tem a curiosa particularidade de ter Tavares no nome, tal como o outro, tem parecenças inquietantes com Luigi Del Neri, o tal treinador italiano que esteve um mês à experiência no FCP. Bem , pelo menos no ângulo da sala em que me encontrava, assim me pareceu, talvez o espectro de luz me traiu ou se calhar é o próprio disfarçado para assim se vingar da cidade do clube que o escurraçou...o que interessa é que debitou bibliografia que me ocupou uma página inteira de caderno, o que dá em parte razão à minha teoria, Del Neri está se calhar entre nós...

Reparei que o ambiente humano da fac está mudado, parece que abriram as comportas, já se vêem um nº bastante apreciável de gajas jeitosinhas por m2 do que o habitual, o que contrasta com o marasmo em que isto às vezes se tornava. Parece que foi uma boa ideia ceder as antigas instalações aos de Ciências da Comunicação, só assim se explica tal afluência, espera-se por conseguinte um maior estreitamento de relações entre os dois cursos, apesar de isto por enquanto ser escavadoras e bulldozers por todos os lados. Nada mais a acrescentar.


Segunda-feira, 11 de Outubro de 2004

Adelino Tavares e o Homem do Fato

Era um domingo chuvoso tal como muitos outros neste início de Outono. Era uma festa de aniversário de um tal sujeito bom anfitrião com uma estranha inclinação para crepes…de repente, um autêntico terramoto, fiquei abalado, ainda agora, quando penso nisso…
Pois bem, foi no dia de ontem que tomei contacto com um filme portuga, o qual coloco no pedestal de um dos melhores filmes portugueses da nova década, bem, já agora, não seria heresia nenhuma dizer do século XXI.
O filme em questão chama-se “I´ll see you in my dreams” e, para além de tudo, nem se trata de um filme propriamante dito, pois é uma curta-metragem de cerca de 20 minutos. Só posso mesmo dizer que consegue encaixar em duas escassas dezenas de minutos zombies, cenas de porrada que faziam o Steven Seagal corar, uma conhecida top model mais morta que viva, pontapés na boca estilo filmes do Takeshi Kitano, romance, padres zarolhos que perdem literalmente a cabeça, anões, nudez explícita, uma muito peculiar cena de “toma lá aço” e, guardado o melhor para o fim, um herói que anda de galochas!
Lindo! Lindo! E ainda há pessoal que gasta 5 euros para ver os Vin Dieseis e os The Rocks ao cinema…é que isto mete o Resident Evil 2 a um canto! Ou pelo menos mete mais carne no assador em 20 e tal minutos que o Resident em quase 2 horas, na minha modesta opinião. Imaginem o Evil Dead metido num espremedor e regado com muito azeite e tem o “I´ll see you in my dreams”. Superou as minhas expectativas, completamente.
Uma menção especial para o grande Adelino Tavares, a resposta lusa ao Steven Seagal!
Adelino Tavares, um nome a fixar, depois do memorável “Casting para virgens, operários e prostitutas” (tenho que ver este filme, quem sabe no E-mule…).
Depois, ainda não refeito do choque, descobri como os japoneses não apanham SIDA e outras doenças venéreas e sexualmente transmissíveis através de uma animação curiosa, com o (vamos assim chamá-lo, pois o sujeito em questão insistiu em manter a sua identidade secreta) “Homem do Fato”, o qual, pelo que percebi, deve ser uma espécie de mascote dos preservativos Control lá na terra do Sol Nascente, reparando eu no facto da marca Control não possuir mascote, mas fica a ideia. Realmente, o HIV não tem hipótese por aqueles lados…
Um pensamento final: “Este artigo até podia ter sido um artigo decente, se não fosse a merda dos zombies…”

.mais sobre mim


. ver perfil

. seguir perfil

. 2 seguidores

.pesquisar

 

.Maio 2011

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

15
16
17
18
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30
31


.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.decretos recentes

. Momento TASER NA NUCA ( A...

. Momento TASER NA NUCA

. Momento TASER NA NUCA

. O Castig(ad)o(r) Que Se A...

. O Flagrante Exemplo

. Uma Nada Pequena Boa Notí...

. Cabeça a Prémio

. O Retrato Actual da Reali...

. O Derradeiro PECado Morta...

. Momento TASER NA NUCA

.arquivos

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

. Janeiro 2005

. Dezembro 2004

. Novembro 2004

. Outubro 2004

. Setembro 2004

. Agosto 2004

. Julho 2004

. Junho 2004

. Maio 2004

. Março 2004

.tags

. todas as tags

.com o meu selo de aprovação

.Tasers na nuca (as conversas)

TASER NA NUCA
free counters

.Curiosos

Estou no Blog.com.pt
Estou no Blog.com.pt

.subscrever feeds