Quarta-feira, 26 de Abril de 2006

A personagem "Super Chumbo"

                                                   """"
. O Super Chumbo não se veste mal, tu é que te vestes à jagunço.

. O Super Chumbo não se lança à praça.

. O Super Chumbo entra com desconto no Mau-Mau porque senão há mortes.

. O Super Chumbo vai a pé da Ribeira ao Marquês num abrir e fechar de olhos e não fica a cheirar a cavalo.

. O Super Chumbo abre sempre a pista na disco e os que estão presentes ficam a bater mal.

. Se tocares no Super Chumbo amanhã estás morto.

. Está a apetecer ao Super Chumbo ir hoje a um funeral. Ao teu.

. O Super Chumbo sai à noite com 14 gajas e liga a um amigo a contar-lhe o sucedido. Do outro lado da linha, só se houve o "background" (silêncio de espanto).

. O pequeno-almoço do Super Chumbo consiste em leite, tabaco, isqueiro e um bico da namorada.

. Depois de uma ménage com 2 gajas, o Super Chumbo regressa a casa de táxi com viagem paga pelas gajas.

. O Super Chumbo tem um tio que paga 2 cafés com uma nota de 100€ e dá o troco ao sobrinho.

. Uma gaja andou em consultas no psicólogo após uma queca do Super Chumbo.

. A pele do Super Chumbo está coberta de pontos negros. Dentro de cada um está contida uma quantidade de energia capaz de originar um Big Bang invertido.

. Quando o Super Chumbo acende um cigarro, há um sismo em Kobe com epicentro no Mar do Japão.

. O Super Chumbo invade a cabina de som do DJ e obriga-o a pôr o som que ele quer. Relatos afirmam que é o DJ que faz a vénia ao Super Chumbo e não o contrário.

. O Super Chumbo entra por onde quer na casa da ex-namorada.

. O XXL corre o risco de nos assentar tão mal como o S no Super Chumbo.


P.S: O meu modem caiu ao chão e a minha caneta deixou de escrever enquanto apontava estas ideias! O Super Chumbo já me identificou e amanhã estou morto!

25 de Abril

Foi um 25 de Abril passado em reflexão. Procurarei em breve concretizar este artigo.

Terça-feira, 18 de Abril de 2006

Momento TASER NA NUCA

Suspeito muito que quando a nova lei anti-tabaco for aprovada já tenha recomeçado a fumar. E o pior ainda é a vacans legis.

Momento TASER NA NUCA

A nova colectânea do Marco Paulo chama-se "40 anos de amor eterno".

Momento TASER NA NUCA

Numa associação recreativa de surdos-mudos, quando há festa, será que põem a tocar Deftones e Def Leppard?

Quinta-feira, 13 de Abril de 2006

O primado da excepção

Durante uma vistoria a blogues afiliados, não pude deixar de reparar num comentário contido no blogue assumir.blogspot.com relativo à última postagem do seu caro autor. Esse comentário versava sobre a impossibilidade de uma banda  conseguir ter mais sucesso após a saída do seu vocalista original, aludindo à recente saída da vocalista dos Nightwish Tarja Turunen (conheço um determinado metrosexual da Rua de Francos que quando souber disto, se é que já sabe, vai ter um grande desgosto).
Vejo-me obrigado a contestar tal afirmação, podendo referir 3 exemplos, levando contudo em conta tanto o pressuposto sucesso comercial como o pressuposto qualidade do material, 2 pressupostos que muitas vezes não andam de mão dada.

1º exemplo- os Genesis- Após a saída de Peter Gabriel e com a entrada do então baterista Phil Collins, o sucesso de vendas do grupo subiu em flecha. Agora relativamente à questão do incremento ou decréscimo de qualidade nas músicas que tal mudança operou, deixo essa questão em aberto, não sou grande conhecedor da obra respectiva...

2º exemplo-os AC/DC- Tiveram mais sucesso comercial com a entrada de Brian Jones ( o qual substitui o falecido Bon Scott). Quanto à questão da qualidade musical, acho que já andam a tocar a mesma coisa desde o 1º álbum, por isso, considero essa questão como uma incógnita.

3º exemplo- os Faith No More- Beneficiaram e de que maneira com a entrada do Mike Patton. Ponto final.

.mais sobre mim


. ver perfil

. seguir perfil

. 2 seguidores

.pesquisar

 

.Maio 2011

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

15
16
17
18
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30
31


.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.decretos recentes

. Momento TASER NA NUCA ( A...

. Momento TASER NA NUCA

. Momento TASER NA NUCA

. O Castig(ad)o(r) Que Se A...

. O Flagrante Exemplo

. Uma Nada Pequena Boa Notí...

. Cabeça a Prémio

. O Retrato Actual da Reali...

. O Derradeiro PECado Morta...

. Momento TASER NA NUCA

.arquivos

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

. Janeiro 2005

. Dezembro 2004

. Novembro 2004

. Outubro 2004

. Setembro 2004

. Agosto 2004

. Julho 2004

. Junho 2004

. Maio 2004

. Março 2004

.tags

. todas as tags

.com o meu selo de aprovação

.Tasers na nuca (as conversas)

TASER NA NUCA

.subscrever feeds